A Campanha de Galípoli foi uma batalha da Primeira Guerra Mundial, em 1915, e consistiu em uma operação militar do Ottoman-icon.pngImpério Otomanoball e do German Empire-icon.pngImpério Alemãoball para resistir contra o avanço dos Blue-icon.pngaliados (principalmente do UK (War)-icon.png Império Britânicoball). Ela se tratou de uma invasão pelo mar no Galípoli é uma península próxima ao estreito de Dardanelos pelos filhoa do UK (War)-icon.png Império Britânicoball e a France (Soldier)-icon.png Françaball com o objetivo de avançar sobre Istambulball, e abrir um caminho seguro de apoio ao Russian Empire-icon.png Império Russoball invadir e tomar o resto. Foi por meio desse estreito que a France (Soldier)-icon.png África Ocidental Francesaball, British Raj-icon.png Índiaball, Sultanate of Egypt-icon.png Egitoball, British Canada-icon (soldier).pngTerra Novaball, Australia-icon (soldier).pngAustráliaball e New Zealand-icon (WW2 soldier).png Nova Zelândiaball tentaram invadir o centro do poder do Ottoman-icon.png Império Otomanoball, por mar e por terra, mas não contavam com a resistência a essa invasão bem-sucedida e resultou em um dos maiores massacres da Primeira Guerra Mundial contra os fuzileiros britânicos e franceses, praticamente uma Ottoman-icon.png“jihad germânica”German Empire-icon.png.

Atualmente, o fim dessa batalha é feriado na Nova Zelândiaball e Austráliaball em homenagem aos soldados mortos como o ANZAC DAY.


Galeria:

Vídeos:

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.