FANDOM


Laranjal do Jariball é um município localizado ao sul do Estado do Amapáball.

História (laranjas são bons)

A região que hoje corresponde ao Vale do Jariball foi habitada, inicialmente, por indígenas oiampis e aparaís e, posteriormente por nordestinos que vieram trabalhar na extração da borracha. Dentre essa leva de trabalhadores destacou-se um cearense chamado coronel José Júlio de Andrade que teve poder de vida e morte na região; pois, aos 35 anos de idade se consolidou como o maior latifundiário do mundo, adquirindo cerca de 3,5 milhões de hectares de terras por meios lícitos e, também ilícitos através de expropriação e da influência através da condição de deputado estadual e senador pelo estado do Paráball, sendo combatido pela revolta tenentista que o obrigou a vender sua empresa Jari para um grupo de empresários portugueses, em 1948 sendo vendida mais tarde para o milionário norte americano Daniel Ludwig.

A origem do município de Laranjal do Jariball remonta à época de colonização do rio Jari, recebendo ainda influências recentes da implantação do Projeto Jari Florestal, em 17 de abril de 1967 idealizado por Daniel Ludwig, que pretendia substituir a floresta nativa por uma plantação homogênea da espécie Gmelina arborea, para a fabricação de celulose (matéria-prima do papel). Também pretendia torna-se o maior produtor mundial de carne bovina, suína e arroz.

Infelizmente o município de Laranjal do Jaríball representa um imenso contraste entre a planejada e estruturada cidade de Monte Douradoball, construída seguindo o modelo de classe média norte americano de habitação, e Laranjal do Jariball constituída à margem esquerda do Rio Jari (Rio da Castanha) sobre palafitas.

Ele também odeia o Monte Douradoball porqeu ele diz que ele é melhor do que ele, não fique surpreso se eles ficam tretando sempre.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.